Regulamentos Artística

Regulamentos da Artística

REGULAMENTO DOS CONCURSOS ARTÍSTICOS DA 4ª FESTA DA INTEGRAÇÃO DE PINHAL DA SERRA.

4ª Etapa do 13º Festival Nacional da Cultura Gaúcha


DAS DISPOSIÇÕES GERAIS:

I – O Regulamento Artístico da 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra tem por objetivo valorizar e preservar todas as manifestações artísticas e culturais do regionalismo gaúcho.
II -
Orientar as Invernadas Artísticas, competidores individuais, músicos, comissões, coordenadores, coreógrafos e outros do procedimento e da forma que serão realizados os concursos na 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra.
III -
Premiar e destacar os grandes talentos da arte e da cultura gaúcha.
IV -
Fazer intercâmbio de todos os artistas gaúchos da América do Sul.
V -
As inscrições, para todos os Concursos Artísticos, serão gratuitas e deverão ser realizadas através de um Centro de Tradições Gaúchas ou Entidades Congêneres, filiadas a Movimentos Tradicionalistas Gaúchos. No ato da inscrição deverá ser apresentado o número de matricula no MTG. Todas as inscrições deverão ser assinadas pelo patrão da entidade, sem a qual, as inscrições não serão aceitas.
VI-
A inscrição dos concorrentes implica na aceitação deste Regulamento e das Normas previstas para cada Concurso.

VII – Nos concursos individuais o número de concorrentes é ilimitado, isto é, cada entidade poderá inscrever quantos candidatos quiser em cada concurso individual que for realizado no rodeio da 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra;

VIII – Os concorrentes deverão observar os horários e locais dos concursos, sob pena de eliminação após terceira chamada ao palco. Eventuais alterações serão afixadas, com antecedência, na Secretaria Artística.
IX -
A contratação de elementos profissionais para acompanhamento de chuleadores, declamadores, trovadores e integrantes de grupo instrumental e vocal das invernadas artísticas ficará inteiramente a critério da entidade concorrente.
X -
Todos os concorrentes deverão estar devidamente pilchados de acordo com as normas do MTG, inclusive na hora da premiação.
XI -
As Comissões Julgadoras atribuirão aos concorrentes, em cada modalidade de concurso, uma nota de 0 a 10, podendo ser acompanhado de 03 (três) dígitos após a vírgula e a nota final, será a média aritmética das notas dos avaliadores.
XII -
Serão conferidos prêmios em dinheiro e troféus, nos concursos até o 3º lugar;

Com exceção ao 3º Galope do Verso Xucro de Pinhal da Serra (Concurso de Trovas) que serão ofertados premiações em troféu e dinheiro até o 3º Lugar e troféu para 4º lugar;

XIII – Os contatos com a Secretaria Artística e a Coordenação dos Tablados deverão ser feitas apenas por 01 (um) elemento credenciado pela Entidade na Ficha de Inscrição.

XIV – A Entidade Promotora reserva o direito de não inscrever, nos próximos 02 (dois) Rodeios, participantes, grupos, Entidades ou CTG’s que, comprovadamente, ferirem princípios éticos no relacionamento com os demais participantes e integrantes das diversas Comissões do evento.
XV -
A ordem de apresentação dos diversos concursos será afixada, com antecedência, na Secretaria Artística, de acordo com a ordem inversa a de inscrição.

Todos os concursos artísticos das categorias mirim e juvenil (danças tradicionais e concursos individuais) serão realizados no sábado dia 20 de abril de 2013.

E os Concursos das categorias Adulto e Veterano-Xiru (danças tradicionais e concursos individuais) serão realizados no Domingo, dia 21 de abril de 2013.

Parágrafo único: Os casos de coincidências de horários serão decididos pela Comissão Organizadora.
XVI – As inscrições deverão ser feitas da seguinte forma: pelo site http://www.fncg.art.br no link inscrições o a partir de 29/03/2013 – Sexta-Feira até as 22horas do dia 18/04/2013 – quinta-feira. E aos interessados em participarem do 1º Festival da Música Gaúcha de Pinhal da Serra as inscrições já estão abertas e poderam ser feitas até as 20 horas do dia 17 de Abril de 2013pelo e-mail
rodeiopinhal@yahoo.com.br ou também através de ficha de inscrição encaminhada até o dia 17 de Abril de 2013 na Secretaria de Educação de Pinhal da Serra no horário comercial;

Após este último prazo não serão mais aceitas inscrições.

Informações sobre a Artística poderão ser obtidas pelo Fone (54)8403-5992 ou recados no fone (54)3616-2068 com  Pedro Kikuchi.

E-mail rodeiopinhal@yahoo.com.br.

Também poderão ser feito contatos com o Sr. José Jader Rodrigues do Prado no celular (54) 8404-1085.
Obs.: Todas as inscrições devem ser enviadas com confirmação de recebimento, sem a qual não serão aceitas reclamações posteriores.
XVII – Quaisquer informações sobre concursos artísticos durante o evento poderão ser obtidas junto à Secretaria Artística, pelo elemento credenciado pela Entidade.
XVIII – Cada Entidade deve credenciar 01 (um) elemento (o qual pode ser ou não concorrente), como responsável pelos concursos individuais e 01 (um) para os grupos de danças.
Os contatos com a secretaria artística deverão ser feitos somente por esses elementos.

XIX – As inscrições que não forem efetuadas no formulário próprio (no link inscrições do site www.fncg.art.br ) deverão ser encaminhado através de ofício, assinado pelo patrão ou seu representante legal (Capataz), à Secretaria Artística.
XX –Não haverá a presença de credenciais para o concorrente no rodeio, pois todo acesso ao parque é gratuito. Mas no ato de apresentação é obrigatório o uso do cartão tradicionalista ou protocolo assinado pelo responsável de determinada RT a qual o concorrente é credenciado.

XXI – Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão Organizadora do Evento e pelo COFAT- Comitê Organizador de Festivais de Arte e Tradição, entidade que gerencia o Festival Nacional da Cultura Gaúcha.

XXII – As comissões julgadoras serão compostas por um número de até 03 (três) pessoas de notável conhecimento e de destaque no mundo cultural, artístico e tradicionalista.
XXIII – Os grupos de danças terão  01 (uma) comissão para as categorias Mirim, Juvenil, Adulta e Veterana-Xiru.

XXIV – Os resultados dos concursos artísticos serão informatizados, sendo que os mesmos serão afixados na secretaria artística.
XXV – A comissão julgadora poderá determinar nova apresentação dos concorrentes, se entenderem necessário, para um julgamento mais adequado.
XXVI – Divisão das categorias: Piazito até (10) dez anos incompletos isto é, o concorrente não pode ter completado 10 anos até o dia do evento, Mirim até 14 (quatorze) anos incompletos isto é, o concorrente não pode ter completado 14 anos até o dia do evento, Juvenil até 18 (dezoito) anos incompleto isto é, o concorrente não pode ter completado 18 anos até o dia do evento, e Veterano-Xiru: prenda acima de 25 anos (vinte e cinco) anos e peão acima de 30 (trinta) anos.

OBS: Quando indicado categoria única, quer dizer, todas as categorias envolvendo peão e prenda.
XXVII – Todos os concorrentes deverão estar munidos de documento de identidade para comprovação de idade quando necessário. Ė CONSIDERADO DOCUMENTO DE IDENTIDADE SOMENTE A CARTEIRA DO MTG OU PROTOCOLO DE PEDIDO DO MESMA, JUNTO AO MTG DE SUA REGIAOCOM A APRESENTAÇÃO DA IDENTIDADE – ATENÇAO: NÃO SERA ACEITO OUTRO DOCUMENTO. O DESCUMPRIMENTO DESTE ITEM IMPLICARÁ NA AUTOMÁTICA ELIMINAÇÃO DO CONCORRENTE, BEM COMO O GRUPO DE DANÇA POR ELE REPRESENTADO.
XXVIII – É vedada a participação de um mesmo elemento em duas modalidades. (Ex: Declamação Veterana e Adulta).
XXIX – A pessoa previamente credenciada pela entidade deverá retirar as planilhas junto à secretaria artística, somente após a entrega da premiação do respectivo concurso. As mesmas não serão envidas posteriormente pelo correio.

XXX – Todos os concursos artísticos serão realizados em fase única.
XXXI – Todos os concursos artísticos devem se ater à temas do regionalismo gaúcho do Rio Grande do Sul, para efeitos de avaliação.

XXXII- Ao Campeão Geral dos Concursos Artísticos da 4ª Festa da Integração será conferido um Troféu Personalizado.

XXXIII – A Comissão Organizadora da 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra, não se responsabiliza por quaisquer danos ou acidentes que, por ventura, venham a ocorrer com os participantes durante a realização do evento.

A 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra / 4ª Etapa do 13º Festival Nacional da Cultura Gaúcha

Apresentará os seguintes concursos:

Concurso (modalidade) Categoria
Piazito Mirim Juvenil Adulta Veterana
Danças tradicionais (Única) X X X X
Chula (Peão) X X X X X
Declamação (Peão) X X X X
Declamação (Prenda) X X X X
Gaita Piano (Única) X X X
Intérprete Vocal (Peão) X X X
Intérprete Vocal (Prenda) X X X
Violão Solo (Única) X X X
TROVAS (2º GALOPE DO VERSO XUCRO) Estilo Campeiro (Mi Maior) Estilo Martelo Estilo Gildo de Freitas

  1. 1. A partir do XI FNCG, será premiada a entidade CAMPEÃ GERAL. Para a escolha do Campeão Geral somente poderão pontuar nas modalidades individuais os 02(dois) melhores colocados de cada entidade em cada concurso.

CRITÉRIOS DE PONTUAÇÃO PARA O SOMATÓRIO DO CAMPEÃO GERAL ARTÍSTICO

4ª FESTA DA INTEGRAÇÃO DE PINHAL DA SERRA E 4ª ETAPA DO 13º FESTIVAL NACIONAL DA CULTURA GAÚCHA.

  1. 2. Os critérios de pontuação para a escolha do Campeão Geral deverão seguir o somatório da fórmula abaixo:

Concursos Individuais     = Nota x 01,0

  • Concursos de Danças      = Nota x 10,0

No caso de empate total de pontos, serão utilizados, pela ordem, os seguintes critérios para desempate:

1º) maior número de primeiros lugares;

2º) maior número de segundos lugares;

3º) maior número de terceiros lugares;

4º) participação em maior número de modalidades;

5º) maior número de pontos dos Concursos Adulto;

Persistindo o empate, a decisão será por sorteio.

OBS.:

* NO CASO DO CONCURSO DO 1ª FESTIVAL DE MÚSICA GAÚCHA DE PINHAL DA SERRA QUE OCORRERÁ NOS DIAS 18 E 19 DE ABRIL DE 2013 AS PREMIAÇÕES NÃO FARÃO PARTE DO SOMATÓRIO PARA O TROFÉU DE CAMPEÃO GERAL DO 3º RODEIO ARTÍSTICO DA 4ª FESTA DA INTEGRAÇÃO DE PINHAL DA SERRA E 4ª ETAPA DO 13º FESTIVAL NACIONAL DA CULTURA GAÚCHA.

* AS ENTREGAS DE PREMIAÇÕES, OCORRERÃO, NO PALCO PRINCIPAL APÓS O TERMINO DE TODOS OS CONCURSOS ARTÍSTICOS REALIZADOS NO RESPECTIVO DIA, ISTO É, TODAS AS PREMIAÇÕES DOS CONCURSOS REALIZADO NO SÁBADO SERÃO ENTREGUES NO MESMO DIA E SEGUE ASSIM POR DIANTE.

REGULAMENTO DO CONCURSO DE DECLAMAÇÃO

I -O Concurso divide-se em:

a) Peão e Prenda Mirim
c) Peão e Prenda Juvenil
e) Peão e Prenda
g) Peão e Prenda Veterano-Xiru

II – A poesia será escolhida pelo concorrente, podendo a mesma ser da própria autoria.
III – O concorrente deverá entregar, no ato da apresentação, à Comissão Julgadora, 01 (uma) cópia impressa ou manuscrita (legível) da poesia que declamar, para fins de apuração de fidelidade ao texto.
IV – A Comissão Julgadora será composta de 03 (três) elementos escolhidos pela Comissão Organizadora da 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra, entre elementos de destaque no mundo cultural, artístico e tradicionalista.
V – O tempo previsto para apresentação será de no máximo 10 (dez) minutos. Se o concorrente ultrapassar o tempo estipulado será penalizado com a perca de 01(um) ponto a cada Minuto ultrapassado.
VI –-O concurso será realizado em fase única.
VII – A Comissão Julgadora concederá pontos de acordo com os seguintes itens:

a) Interpretação Peso 04
b) Dicção Peso 02
c) Postura Cênica Peso 02
d) Fidelidade ao texto Peso 02

REGULAMENTO DO CONCURSO DE CHULA

I -O Concurso de Chula divide-se em 05 (Cinco) categorias:

Piazito – Mirim – Juvenil – Adulto e Veterano

II – Antes de iniciar o concurso a comissão julgadora procederá ao sorteio das duplas.

III – O chuleador não poderá executar passos de pé-quebrado, característica do malambo argentino e nem se utilizar de objetos, tais como: pala, faca ou facão, bengala, porrete, etc. Exceto lenço de pescoço ou de bolso.
IV – Será permitido, na música da chula, o acompanhamento de vocal e instrumental.
V – Quesitos que serão observados:
a) Criatividade
b) Passos de difícil execução
c) Postura e elegância
d) Agilidade
e) Finalização e Marcação
g) Variante
h) Toque na lança
i) Ritmo
j) Imperfeição
VI – Os chuleadores piazito executarão 04(quatro)passos, mirim executarão 05 (cinco) passos, o juvenil 06 (seis) passos, o adulto 07 (sete) passos e o chuleador veterano executará 04 (quatro) passos;(item alterado hoje dia 01/04/2013 devido ao regulamento do FNCG)

VII – Os concorrentes poderão executar passos de 08 (oito), 12 (doze) e 16 (dezesseis) compassos.
VIII – O concurso de chula será avaliado de acordo com a obra “Danças Birivas do Tradicionalismo Gaúcho” de João Carlos Paixão Cortes.

IX – O Concurso será realizado em fazer única.

REGULAMENTO DOS CONCURSOS DE INTÉRPRETE VOCAL

I – O concurso divide-se nas modalidades Peão e Prenda: Nas categorias Mirim, Juvenil e Adulto.
II – O concorrente vocalizará uma música, de livre escolha, de cunho regionalista gaúcho, devendo entregar à Comissão Avaliadora 01 (uma) cópia da letra com o nome e o autor da mesma;

III – A 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra é um evento que tem por finalidade preservar e valorizar, incentivando cada vez mais o surgimento de novos valores.
IV – O concorrente que cometer algum erro durante sua apresentação não será desclassificado, mas perderá pontos a critério da comissão julgadora.
V – No concurso intérprete vocal, a Comissão Avaliadora basear-se-á nos seguintes critérios:

a) linha melódica Peso 02
b) afinação Peso 02
c) ritmo Peso 01
d) interpretação Peso 04
e) postura cênica Peso 01

VI O intérprete vocal não poderá receber, em nenhum momento de sua apresentação, apoio vocal. Recomenda-se, para o acompanhamento instrumental, a utilização dos instrumentos característicos de nossa tradição e vedada à utilização de bateria, bombo leguero, instrumentos eletrônicos e pedais.

VII – O concurso será realizado em fase única.

REGULAMENTO DO CONCURSO VIOLÃO SOLO: (Modalidade Única)

O concurso divide-se nas seguintes categorias:

a)Mirim          b) Juvenil             c)Adulto


I-Neste concurso é admitida apenas a execução instrumental.

II – Poderão participar deste concurso violonistas amadores e/ou profissionais.

III – A livre escolha do(s) concorrente(s) será permitido o uso de violões acústicos ou amplificados (em suas diversas formas de amplificações).

IV – Não será permitido o uso de palheta, dedeira ou braçadeiras.

V – A comissão Avaliadora concederá pontos em consideração aos seguintes itens:

a) Execução                                                     Peso 03
b) Interpretação                                              Peso 03
c) Criatividade nos arranjos                         Peso 02
d) Ritmo                                                             Peso 02

VI – A Comissão Julgadora será composta de 03 (três) elementos escolhidos pela Comissão Organizadora da 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra, entre pessoas de destaque na Música Regionalista Gaúcha;

VII – No concurso de violão, as músicas executadas deverão ter como tema melodias regionalistas gaúchas, podendo esta ser de autoria do concorrente.

VIII – O concurso será realizado em fase única.

REGULAMENTO DOS CONCURSOS DE GAITA  (Modalidade Única)

I – O Concurso divide-se em 01 (uma) modalidade:

a)Gaita-Piano

II – O concurso de Gaita será dividido em três categorias:

a) Mirim b) Juvenil c) Adulto

III – A Comissão Julgadora concederá pontos de acordo com os seguintes itens:

a) Execução Peso 03
b) Interpretação Peso 03
c) Criatividade nos arranjos Peso 02
d) Ritmo Peso 02

IV – A Comissão Julgadora será composta de 03 (três) elementos escolhidos pela Comissão Organizadora da 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra, entre pessoas de destaque na Música Regionalista Gaúcha;

V – No concurso de gaita, as músicas executadas deverão ter como tema melodias regionalistas gaúchas, podendo esta ser de autoria do concorrente.

VI – O concurso será realizado em fase única.

REGULAMENTO DO CONCURSO DE DANÇAS TRADICIONAIS

DANÇAS TRADICIONAIS

I -O concurso será realizado nas seguintes categorias:

a – Mirim b – Juvenil c – Adulta d – Veterana-Xiru

Atenção: Observar-se-á, rigorosamente, os limites de idade máxima, estabelecidos pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho (categoria Mirim – até 14 (quatorze) anos incompleto-não pode ter completado (14) anos, Categoria Juvenil – até 18 (dezoito) anos incompleto-não pode ter completado (18) anos e xiru: prenda acima de 25 (vinte e cinco) anos e peão acima de 30 (trinta) anos.
II – As danças deverão ser avaliadas, em seus aspectos “musi-coreográficos”, nas seguintes obras publicadas:” O Gaúcho – Danças, Trajes e Artesanatos” de João Carlos D’Ávila Paixão Cortes, Ponto&Pesponto da Vestimenta da Prenda de João Carlos D’Ávila Paixão Cortes com anotações de Marina Cortes, Danças Gauchescas e Carta de Vacaria – 1992 de autoria de João Carlos D’Ávila Paixão Cortes, Manual de Danças Gaúchas de João Carlos D’Ávila Paixão Cortes e Barbosa Lessa e Danças Tradicionais Gaúchas (MTG – RS).

III – Os grupos concorrentes deverão apresentar-se em palco com um mínimo de 06 (seis) pares.
IV – A Comissão Julgadora poderá determinar nova apresentação dos concorrentes, se entenderem necessário, para um julgamento adequado.

BLOCOS DE DANÇAS PARA TODAS AS CATEGORIAS:

  1. 1. Não haverá sorteio da danças para nenhuma modalidade;

  1. 2. As invernadas mirins e veteranas apresentarão 03(três) danças de livre escolha, sendo um de cada bloco, enquanto que, as invernadas juvenis e adultas apresentarão 04(quatro) danças de livre escolha, sendo uma de cada bloco.

Blocos de Danças do Festival Nacional da Cultura Gaúcha:

ADULTO (35 danças)

Bloco A Bloco B Bloco C Bloco D
Cana Verde Chotes Duas Damas Anú Balão Caído
Caranguejo Chotes Inglês Balaio Bentevi
Chimarrita Chotes Par Trocado Chimarrita Balão Graxaim
Chico Sapateado Chotes Sete Voltas Roseira Queromana
Havaneira Marcada Chotes Sete Passos Sarrabalho Queromaninha
Mazurca Galopeada Faca Maruja Tatu Castanholas Valsa das Cadenas
Rancheira Carreirinha Jardineira Tatu c/Volta Meio Valsa da Mão Trocada
Rilo Pau de Fitas Tirana do Lenço Vaneirão Sapateado
Pericon Tirana do Ombro Vinte e Quatro

(As Veteranas escolhem as danças livremente entre os blocos acima. Obrigatoriamente uma de cada bloco.)

JUVENIL (25 danças)

Bloco A Bloco B Bloco C Bloco D
Cana Verde Chotes de Carreirinho Balaio Balão Caído
Caranguejo Chotes Duas Damas Chimarrita Balão Queromana
Chimarrita Chote Inglês Chico Sapateado Queromaninha
Havaneira Marcada Chotes Par Trocado Rancheira de Carreirinha Mazurca Marcada
Pezinho Chotes Sete Passos Sarrabalho Mazurca Galopeada
Maçanico Chotes Sete Voltas Tatu Castanholas Vaneirão Sapateado
Tatu c/Volta Meio

MIRIM (18 danças)

Bloco A Bloco B Bloco C
Cana Verde Chotes de Carreirinho Chimarrita Balão
Caranguejo Chotes Duas Damas Chico Sapateado
Chimarrita Chote Inglês Rancheira de Carreirinha
Pezinho Chotes Ponta e Taco Sarrabalho
Maçanico Chotes Par Trocado Tatu Castanholas
Mazurca Marcada Chotes Sete Voltas Tatu c/Volta Meio

Obs: Não poderão ser repetidas danças do mesmo bloco. (ex: chimarrita e cana verde, danças pertencentes do bloco A).

VI - As danças: TIRANA DO LENÇO, TIRANA DO OMBRO E FACA MARUJA, não são indicadas para as invernadas Mirim e Juvenil.

VII - A Comissão Avaliadora será composta de 03 (Três) elementos de notável conhecimento de Danças Gaúchas, Folclore e Tradição, escolhidos pela Comissão Organizadora da 4ª Festa da Integração de Pinhal da Serra, que concederá pontos nos seguintes quesitos:
a) Interpretação Artística                                   Peso 04
b) Harmonia de Conjunto                                     Peso 02
c) Música (Instrumental/ Vocal)                         Peso 02
d) Coreografia                                                        Peso 02
Observação: Será descontado até 02 (dois) pontos do somatório final dos quesitos acima para o grupo que cometer erro na indumentária gaúcha.
VIII – Não será permitido aos grupos de danças executarem temas de entrada ou saída.

IX- O grupo musical que acompanha a invernada artística ou grupo de danças deverá se ater especificamente aos temas coreográficos  escolhidos. Para o acompanhamento dos temas coreográficos consideram-se entre os instrumentos típicos gauchescos os seguintes: viola, rabeca, violão, gaita, violino, pandeiro e espora.
X- Haverá uma Comissão Avaliadora para os Concursos de Danças Tradicionais, sendo esta avaliadora das categorias: Mirim, Juvenil, Adulta e Veterana;

XI- A apresentação dos grupos Mirim e Juvenil, Adulta e Veterana deverá ser em sequência por entidade. Sendo que as Invernadas Mirins e Juvenis dançarão no sábado dia 20 de abril de 2013 e as Invernadas Adultas e Veteranas-Xirú dançarão no domingo dia 21 de abril de 2013.

OBS.: Aos grupos participantes do 13º Festival Nacional da Cultura Gaúcha estes, deverão seguir rigorosamente o regulamento quanto à questão de repetição de danças já apresentada nas etapas anteriores do 13º FNCG.

Não serão permitidas coreografias de entrada e saída. Os grupos que não obedecerem a este quesito perderão 01(um) ponto da nota final. Porém poderá subir ao tablado com o levante da primeira dança ou com uma música que identifique o grupo.

A primeira entidade a se apresentar no sábado e no domingo deverá estar postada com seus músicos 15 minutos antes do início do concurso para passagem de som. Os demais grupos terão somente 05 (cinco) minutos para tal tarefa.

OBS.: Os grupos que forem chamados pelo apresentador e não comparecerem ao palco perderá 01 (um) ponto da nota final a cada 05 (cinco) minutos de atraso.

XII – Os concursos de danças tradicionais serão realizados em fase única.

CONCURSO DE TROVA (3º GALOPE DO VERSO XUCRO)

3º Galope do verso xucro.

1º-Cada um dos participantes realizará intervenções sobre temas sorteados pela Comissão Avaliadora, no momento da apresentação de cada dupla participante, de acordo com a modalidade da trova.

2º – Trova Campeira (Mi Maior) – Cada participante interpreta 06 (seis) sextilhas septissilábicas em todas as fases até a classificatória da final e 08 (oito) sextilhas na finalíssima, com interlúdio musical (uma só volta da gaita entre uma sextilha e outra, e duas voltas antes da primeira e a cada vez que a trova for interrompida, de cada um).  O oponente repete o último verso para iniciar sua sextilha.

3º – “Trova de Martelo” – de acordo com tese aprovada na Convenção de Pedro Osório (1991).

4º – “Trova Estilo Gildo de Freitas. (2)

A – nesta modalidade, cada concorrente interpretará 05 (cinco) estrofes de 9 (nove) versos ou linhas septissilábicas com interlúdio musical.

b – em cada estrofe, os versos deverão rimar o 2º, 4º, 6º e 9º, sendo que o 7º e 8º rimarão entre si (abcbdbeeb).

c – a melodia de introdução e acompanhamento dos versos é a música “Definição do Grito”, autoria Gildo de Freitas.

5º – Para cada tipo de trova deverá ser respeitado o canto silábico e a melodia característica.

6º – Em todas as fases e modalidades, as duplas serão sorteadas no momento da apresentação, após a confirmação dos participantes presentes.

7º- A cada participante serão atribuídos até 10 (dez) pontos, por sextilha apresentada, conforme o conteúdo e a qualidade poética, dos quais, na avaliação sextilha a sextilha, serão descontados erros nos seguintes quesitos, de acordo com a orientação da Associação de Trovadores Luiz Müller:

I – Metrificação dos versos……………………………………………………………..02 pontos

II – Fidelidade ao tema:

(para as modalidades Trova Campeira e Trova Estilo GildodeFreitas)    02 pontos

– deixa (só para a modalidade Trova de Martelo)………………………02 pontos

III – Rima, quebrada  ou repetida ………………………………………..04 pontos

IV – Dicção ………………………………………………….. …………01 ponto

V – Ritmo ……………………………………………………… ……….01 ponto

8º- Na fase final, após a etapa classificatória, haverá uma finalíssima com 03 (três) duplas para cada modalidade.

9º- Na premiação de cada modalidade (Martelo, Mi maior e Estilo Gildo de Freitas), serão contemplados aos ganhadores uma premiação em troféu e um valor em dinheiro, estipulado pela Comissão Organizadora do 3º Galope do verso xucro.

10º – O 3º Galope do Verso Xucro premiará os concorrentes do 1º até o 4º lugar, sendo que não será contemplado um único ganhador nas 03(três) modalidades, isto é, em cada modalidade haverá um ganhador diferente. Resultando assim 12(doze) competidores diferentes contemplados com a premiação do 3º Galope do Verso Xucro.  .

Obs.: O item 10º foi estipulado pela Associação de Trovadores Luiz Müller, que julgará o 3º Galope do Verso Xucro, visando acima de tudo valorizar todos os participantes do 3º Galope do Verso Xucro.